O mendigo

Boa noite pessoal,

Hoje (07/01/2012) a noite saí para ir comer alguma coisa aqui em São Paulo. Fui à uma pizzaria perto do hotel aqui e vi que tinha um senhor sentado na calçada, me lembrei dele porque uns 2 ou 3 dias atrás eu tinha passado para ir em um mercado e ele estava sentado lá.

Quando passava para ir lá pra pizzaria eu notei que o pessoal que passava não se importava com ele ali, segui o caminho e fiquei pensando naquilo beleza, fui lá e pedi uma pizza e deixei separada metade dela e pedi para que pessoal embalasse para eu levar e mais uma coca.

Saindo de lá voltei pelo mesmo caminho e parei para conversar com ele e ofereci a ele a pizza e coca e ele ficou muito feliz e agradecido. Enquanto ele ia comendo fiquei ali conversando com ele, e acho que ganhei o dia conversando com ele.

Ele me contou que faz mais ou menos uns 3 anos que ele fica ali naquela calçada e quando chove ele fica numa toldo de um prédio ali perto. No fim das contas voltei aqui para o hotel e quando saía ele levantou e me estendeu a mão para agradecer e disse para que eu fosse com Deus e tivesse fé.

Não sei como concluir, mais vou lembrar disso por muito tempo.

Diversos
  • Fagner Oliveira

    Já vivi 2 situações assim.
    E só quem viu/sentitu a gratidão sabe como é!

  • Diogo

    Cara, passei por algo parecido uma vez aqui em Foz, a diferença é que o cara me pediu dinheiro para comer, e eu ao invés de dar o dinheiro, fui com ele num restaurante ali perto e comprei uma marmita, daí ofereci também uma coca, e disse que preferia 2 marmitas ao invés da coca, para que ele pudesse dividir com mais alguém.
    A sensação de poder ver alegria no rosto de alguém com tão pouco, deixa uma alegria em ajudar e ao mesmo tempo uma angústia por saber que existem tantos outros nessa situação.

    • Eu ganhei o dia essa vez, dormi em paz. Só que as outras vezes que passei ali não vi ele no mesmo lugar, quem sabe uma hora ele apareça de novo, que bons ventos soprarem, ele aparece e me chama pra comer alguma coisa ou jogar conversa fora.